Quais países exigem diploma universitário para ocupar o cargo de presidente?

Por: Herbert Melo | 27 março 2016 | 04:01 pm
Para grandes cargos dentro de qualquer empresa, é necessário possuir curso superior. No Brasil não é obrigatório para ser Presidente da República.
Foto:
lula

O necessário para ser um presidenciável
O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva se tornou muito famoso durante seu mandato de oito anos (2003-2010) devido às suas conquistas dentro do palácio do planalto. Alguns escândalos, mas, sobretudo, ao fato do ex-presidente não possuir ensino superior completo, tampouco o ensino médio. Sua fama de “semianalfabeto” (dito por alguns), críticas a sua falta de conhecimentos acadêmicos e erros gramaticais constantes em seus discursos eram um dos principais argumentos dos brasileiros de que Lula, academicamente, não tinha o que era necessário para ocupar o cargo maior de um país.

Por isso as questões que norteiam esse assunto entram em debate: até que ponto um diploma realmente faz a diferença no exercício do maior cargo do executivo? Por que no Brasil não é necessário o diploma de ensino superior para exercer o cargo maior do país? Quais países exigem o diploma universitário para que se possa ocupar o cargo de presidente?

Partindo do início, por que o Brasil não exige o diploma?

De acordo com o que está na Constituição Federal de 1988, qualquer cidadão brasileiro tem direito a se candidatar ao cargo de presidente, independentemente de seu grau de escolaridade ou posição social. É o que defende a democracia e o estado de direito brasileiro. A República Federativa do Brasil afirma que para ocupar o cargo de presidente do país é necessário apenas que o candidato esteja a serviço do Estado brasileiro, conheça e busque atender os interesses da população, seja um adequado estadista e tenha empatia pela população eleitora ou não eleitora.

 

diploma-canudo

Quais países exigem o diploma universitário para que se possa ocupar o cargo de presidente?

A maioria dos países em si exige, SIM, o diploma universitário como um dos pré-requisitos para candidatura ao cargo de presidenciável. O Brasil faz parte de um grupo de exceção (que conta com diversos outros países latino-americanos nesta lista). Os Estados Unidos, por exemplo, é um país que exige o diploma e o conhecimento para tal cargo, sendo que oito dos presidentes do país tiveram formação na Universidade de Harvard – considerada a melhor universidade do mundo –, por exemplo.

 

Na Europa é muito comum a exigência. Em Portugal, por exemplo, além de ser necessário o recolhimento de 7500 assinaturas de aprovação para candidatura, o citado deve possuir o diploma de conclusão do curso superior. A Nicarágua é outra que exige o diploma. Além do certificado, é necessário estudos no exterior ou realização de missão diplomática para candidatar-se ao cargo.

Então, leitor, a pergunta que fica é: até que ponto é necessário o diploma para ser um presidenciável? Deixe sua resposta.

 

 

 

Veja também

Sobre

Prof. Herbert Melo
Formado em Radiologia Médica, Bacharel em Administração de Empresas, pós-graduado em Administração e Gestão do Esporte, Acadêmico de Direito, foi coordenador de pós-graduação de gestão da Educação e Esporte, além de Diretor executivo do Instituto Brasileiro de Ciência de Governo - IBCG.

www.fb.com/HerbertMeloSP

www.instagram.com/HerbertMeloSP

SNAP: HerbertMelo_SP

Publicidade